Textos


Manhã Primaveril

Manhã primaveril! O sol lampeja!
É muito azul o céu e muito lindo!
Pelos jardins as flores vão se abrindo,
Enquanto a grama pelo chão verdeja!...

Pipila o passaredo nas paineiras,
Em meio a festivais e algazarras
De abelhas mil e eufóricas cigarras,
Saudando a primavera, alvissareiras...

Lá fora a gurizada se extenua,
Jogando futebol na minha rua,
De pés descalços, peitos nus, suando...

Baila no ar uma alegria intensa!
Não sei por que esta tristeza imensa!
Esta saudade que vai me matando!...


( Escrito em setembro de 1963)
Antonio Lycério Pompeo de Barros
Enviado por Antonio Lycério Pompeo de Barros em 24/05/2017

Música: Ivouchki - R.Clayderman

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Áudios Relacionados:
Manhã primaveril - Antonio Lycério Pompeo de Barros


Comentários